Identidade visual: como escolher a cor de uma marca?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket
como escolher a cor de uma marca

De acordo com a psicologia das cores, elas podem influenciar bastante na decisão de compra de um cliente. Além disso, os valores do negócio também sofrem influência das cores utilizadas nas embalagens ou nas fachadas de uma loja, por exemplo.

Você está criando a sua marca e ainda não sabe quais cores usar? Antes de começar a seguir modinhas e se arrepender amargamente por isso, leia o post de hoje e saiba o que levar em conta na hora de escolher a cor de uma marca!

Vermelho

Significa fome, velocidade e paixão. É geralmente usado por empresas de fast food, como McDonald’s e Bobs, além de estampar a maioria dos pacotes de produtos alimentícios no mercado. Marcas que querem transmitir juventude e coragem, como a Coca-Cola, também usam esta cor.

Por ser uma cor quente, o vermelho desperta muito a atenção de quem a visualiza. Esse é o motivo que também a faz ser muito utilizada para divulgar promoções, como aqueles grandes anúncios de liquidação que vemos nas vitrines e nos interiores das lojas.

Amarelo

Estimula o uso da mente, por isso relaciona-se à lógica, mas também transmite bom-humor e ajuda na tomada de decisão. Muito amarelo pode produzir ansiedade, embora, em poucas doses, seja também utilizado em redes de fast food, como o Subway. Algumas vezes, é usado junto ao vermelho, como no Pizza Hut e no McDonald’s.

Outra peculiaridade do amarelo é reter a atenção das pessoas. É por isso que ele costuma ser empregado nos semáforos de trânsito e na maioria das placas de sinalização e avisos como “tinta fresca”, por exemplo.

Azul

Sugere uma sensação de tranquilidade, além de transmitir os sentimentos de honestidade, lealdade e responsabilidade. A utilização do azul varia de acordo com a tonalidade. O azul-claro, por exemplo, provoca em nós a sensação de limpeza e higiene e é por isso que essa cor é muito utilizada em embalagens de marcas como a Oral-B.

Já o azul-escuro é ideal para inspirar um negócio seguro e confiável, como a Allianz.

Verde

Evoca equilíbrio, segurança e crescimento, por isso costuma ser associado a meio ambiente, compaixão e carinho. Sugere equilíbrio emocional e harmonia, sendo uma boa opção para empresas e ONGs, como o Projeto Tamar. Também é muito utilizado por produtos que são sustentáveis ou estão relacionados a questões ambientais.

O verde é uma cor que acalma, por esse motivo, costuma também ser aplicado em estabelecimentos da área da saúde, como na identidade visual da Unimed, por exemplo.

Roxo

Remete à imaginação e espiritualidade e costuma ser associada a sonhos, futuro, misticismo e fantasia. Como também cria uma sensação de riqueza e luxo, pode ser apropriada para empresas que oferecem serviços ou produtos de alta qualidade, como o chocolate Milka.

Por ter um lado mais místico, essa cor é muito utilizada nos materiais de instituições que estejam ligadas a espiritualidade, como institutos de yoga e terapias alternativas.

Preto

Transmite sofisticação e elegância, por um lado, assim como mistério e intimidação, por outro. Além disso, a ausência das cores está associada à força e elegância, bem como à curiosidade.

Isso faz com que a cor seja aplicada tanto em marcas que tenham como base a sofisticação e o luxo como em materiais mais sombrios e relacionados ao medo e o místico. Exemplo de marca que utiliza essa cor é a Puma, que vende artigos esportivos de alto valor.

Branco

Limpeza e tranquilidade são as principais características do branco, o que transmite a sensação de frescor e calma. Por isso, nunca é utilizado sozinho, sempre está acompanhado por alguma outra cor de destaque.

Na marca da Netflix, por exemplo, o branco dá um maior destaque ao vermelho.

Como você pôde observar, escolher a cor de uma marca é algo muito mais sério do que as pessoas imaginam. Afinal, um logotipo dura, em média, dez anos. E, mesmo quando é reformulado, a cor geralmente continua a mesma. Por isso, antes de decidir a tonalidade da sua empresa, saiba bem o que ela quer transmitir.

Gostou de saber mais sobre as cores? Quer ter acesso ao nosso conteúdo sempre? Então nos siga nas redes sociais agora mesmo!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Ricardo Gonçalves

Ricardo Gonçalves

Leave a Replay

falta um passo para

inovação