Prazo de entrega: como concluir projetos sem atrasos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket
prazo de entrega

Prazos, prazos e mais prazos — esta é a rotina de quem trabalha em uma empresa. Se você acha que pode fugir disso tendo seu próprio empreendimento ou começando a atuar como freelancer, está redondamente enganado! Na verdade, é justamente quando temos mais autonomia que o comprometimento se torna algo ainda mais importante. Isso porque, excluindo o cliente, não temos nenhum supervisor nos cobrando e lembrando dos nossos compromissos.

O pior de tudo é que o descompromisso de um prazo, quando você está lidando diretamente com o cliente, não significa apenas um “puxão de orelha” a mais do chefe, mas, sim, você estará manchando a sua reputação. Por isso, resolvemos listar, no post de hoje, 5 dicas para que você consiga concluir todos os seus projetos no prazo de entrega. Confira, a seguir!

1. Estabeleça uma relação transparente

É preciso estabelecer uma relação de transparência com o cliente. Para que isso seja possível, o primeiro passo é definir com clareza quais serão os prazos de entrega, comunicando imediatamente à outra parte. Pode parecer algo simples, mas muitas pessoas pecam justamente no momento de definir os prazos.

Caso isso não seja feito, não só o cliente se sentirá mais desconfortável — afinal, ele não terá uma previsão exata de quando terá o resultado do trabalho — como também você mesmo dará início à desorganização na sua vida profissional.

2. Esqueça os compromissos impossíveis

Com medo de perder o cliente, muitos empresários e freelancers ansiosos acabam aceitando uma série de compromissos impossíveis. O pior de tudo é que, na maioria dos casos, existe a consciência de que a tarefa exige mais tempo, mas o receio de desagradar algum cliente importante é maior.

Nesse momento, é importante pensar a longo prazo: mesmo que o cliente fique insatisfeito momentaneamente, o não cumprimento de uma tarefa no tempo certo pode manchar o seu nome no mercado. Por isso, seja racional ao estabelecer suas metas e prazos.

3. Crie uma lista de prioridades

O que é pior? Deixar de entregar uma amostra prometida ou o trabalho completo dentro do prazo combinado? Organização é tudo quando o assunto é entregar o prometido no prazo, por isso, você deve estabelecer sempre uma lista de prioridades.

Comece dividindo os prazos de acordo com a data, evidentemente, mas não se esqueça de marcar todos as entregas mais importantes. Afinal, se você não puder cumprir com algum prazo, que seja aquele que gere menos prejuízo, não é mesmo?

No entanto, nunca se esqueça: a sua maior prioridade é ter clientes satisfeitos, por isso, se esforce ao máximo para entregar tudo na hora!

4. Invista na tecnologia

Aplicativos e softwares destinados à organização é o que não falta no mercado. Agendas e lembretes virtuais, alarmes, enfim, a tecnologia pode ser uma poderosa aliada nessa tarefa, portanto, invista nesse tipo de alternativa para garantir uma melhoria significativa na sua produtividade.

Alguns aplicativos ganham destaque, é claro, como o próprio Evernote. No entanto, hoje existem programas destinados exclusivamente para organizar a vida de determinadas empresas, que podem atender a todas as suas necessidades. Basta pesquisar!

5. Seja o seu próprio chefe

Por último, é importante que você tenha consciência de que é o único responsável pela conclusão da tarefa. A autocobrança é muito importante, mas, é claro, é fundamental manter-se sempre motivado e nunca superestimar as 24 horas que você tem por dia.

Lembre-se de que você é o responsável pelo seu sucesso, portanto, coloque seus sonhos sempre à frente quando estiver fazendo algum trabalho entediante ou desgastante. Esse pode ser o seu maior estímulo!

E você? O que faz para manter a entrega em dia? Conte a sua experiência nos comentários!

 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Ricardo Gonçalves

Ricardo Gonçalves

Leave a Replay

falta um passo para

inovação