5 principais dicas de como criar logotipos de sucesso

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket

Então você quer criar ou mudar a identidade visual da sua marca, mas não sabe como criar logotipos? Não se desespere! É claro que contratar um bom designer gráfico pode resolver facilmente esse problema, mas ninguém sabe mais do que você sobre a sua empresa.

Antes de mais nada, vamos lembrar que o logotipo é a peça gráfica responsável por criar uma identificação imediata entre as pessoas e a sua marca. É ele quem vai mostrar (e lembrar) ao público do que se trata o seu negócio, quais valores ele quer passar ou como ele se apresenta no mercado. Por isso, saber de perto como criar logotipos te ajudará a passar as informações que o designer precisa com muito mais precisão e eficiência.

Quer que a sua marca seja facilmente reconhecida? Então aí vão algumas dicas de como criar logotipos:

Defina sua identidade

Antes de pensar a logo, é preciso pesquisar a fundo a sua empresa. Pergunte-se o que ela faz, como se posiciona frente aos consumidores, concorrentes e fornecedores. Conhecer a fundo o posicionamento da marca tornará mais fácil planejar o seu logotipo. É importante lembrar que o logotipo não precisa ser literal: um restaurante não precisa ter talheres na sua marca, assim como o logotipo da Coca-Cola não é uma garrafa de refrigerante.

Preste atenção nas cores

Depois de definir seu posicionamento, é hora de começar a pensar no logotipo propriamente dito. Não exagere nas cores: elas devem ser usadas para reforçar a sua marca, não para seguir tendências. Um escritório de advocacia, por exemplo, deve ter cores mais sóbrias, que transmitam seriedade. Já uma empresa de eventos infantis pode ter uma logo mais colorida, com cores fortes e alegres, que chamem a atenção dos pais e das crianças.

Seja simples e criativo

Evite ser muito rebuscado no desenho e tipografia do seu logotipo. Use fontes clássicas, que garantam que o nome da sua empresa seja lido pelo público. Evite também fugir do óbvio e do lugar comum: use a criatividade para chamar a atenção das pessoas e, ao mesmo tempo, refletir seus valores e objetivos!

Busque referências

Está sem ideias para a sua marca? Então é hora de pesquisar algumas referências. Mas atenção: pesquisar não significa copiar! Baseie-se em ideias, não faça plágios. Redes sociais como o Pinterest e o Instagram trazem diversas referências imagéticas simples e criativas. Procure aquelas que melhor se relacionem aos seus negócios e inspire-se!

Comunique-se com o designer

Um erro comum entre os empreendedores é contratar um serviço de design e largar o projeto com o profissional, dando pouco ou nenhum retorno sobre o trabalho durante seu desenvolvimento. O resultado, na maioria das vezes, é um logotipo pouco específico, que não reflete os valores e ideais da marca.

Por isso, ao encomendar um logotipo, procure informar não só a cor e a tipografia da sua preferência. Mais do que isso, faça um briefing detalhado da sua empresa: relate como ela funciona, o que ela faz, o seu posicionamento, enfim, tudo o que você julgar pertinente. Mostre-se disponível para tirar dúvidas, mas cuidado para não procurar o profissional com muita frequência: designers também são artistas e precisam de liberdade criativa!

E aí, aprendeu tudo sobre como criar logotipos de sucesso? Se você conhece alguém que também precisa saber essas dicas, compartilhe este post nas suas redes sociais!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pocket
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Ricardo Gonçalves

Ricardo Gonçalves

Leave a Replay

falta um passo para

inovação